Comércio justo

Breve definição

"O Comércio Justo (CJ) é um movimento social e económico que pretende construir uma alternativa ao comércio convencional. Ao contrário deste, que tem em conta apenas critérios económicos, o CJ rege-se também por valores éticos que incluem aspectos sociais e ambientais. Significa colocar o comércio, quer de produtos quer de serviços, efectivamente ao serviço das pessoas, buscando o desenvolvimento sustentável das comunidades locais e do mundo como um todo. O que implica, antes de mais, um trabalho digno para todas as pessoas envolvidas e a adequação das actividades económicas às suas necessidades e aos seus interesses."

A minha opinião


Penso que podíamos criar em Portugal uma instituição com o objectivo de dinamizar, gerir, formar e distribuir os produtos nacionais de origem agrícola e artesanal, como uma espécie de cooperativa a nível nacional. Nas lojas de Comércio Justo, vemos essencialmente produtos estrangeiros. Ora, dada a situação económica em que Portugal, devíamos dar prioridade aos produtos de origem nacional. Na realidade, já existe a "Cooperativa de Comércio Justo", mas falta a adesão.
Penso que, a força económica de um país está nos pequenos produtores. O Povo precisa de aprender a associarem-se e a viver em comunidade. Como bem sabemos, há falta de ética na política e administração nacional, por isso mesmo é que está na hora dos cidadãos de bem, participarem na política, através de movimentos, como o "Movimento 12 de Março" e "Plataforma 231". Estes movimentos são a solução certa, se as pessoas aderirem.
O Comércio Justo, é mais do que um movimento económico, é especialmente de carácter social.


Ligações externas


http://www.cidac.pt/  - Organização não - governamental de desenvolvimento.

http://www.modevida.com/  - Cooperativa de Comércio Justo.

http://www.equacao.org/ - Primeira importadora e distribuidora portuguesa de produtos de Comércio Justo.

http://goo.gl/kq14u - Uma avaliação da Quercus.

http://coresdoglobo.org/

http://goo.gl/1iBpa - Artigo: "Abrir espaço para o comércio justo".

http://goo.gl/1hKlf - Artigo do jornal ionline: "Comércio justo. Vendas em Portugal caíram 78%, contra subidas anuais de 20% na UE".








Comentários