Ciclo vicioso


Chegámos ao final das  legislativas, sem surpresas. Mais uma vez, o povo português decidiu pela estagnação, ainda não foi desta... Diz o povo, que não há alternativas, mas estão enganados, existe e bastantes. Mais uma vez, fiquei desiludido, ou talvez não devesse ficar, afinal, muito antes deste cantinho à beira-mar dar-se pelo nome de Portugal, este povo já era assim. Segundo reza a história, chegou a Roma um mensageiro que se dirigiu ao Imperador, transmitindo-lhe a seguinte mensagem: "Senhor, na Hispânia Ocidental, existe um povo, que não se governa e não se deixa governar." Qual terá sido a reacção do Imperador?!
Já que referi o império romano, eu farei como Pilatos: lavo as minhas mãos, ou seja, tenho a minha consciência tranquila, porque não votei nos partidos da moda. Eu votei no partido "Pelos animais e pela natureza". Não conheço os representantes deste partido, mas defendem valores humanistas que respeitam o Homem e a Natureza. À semelhança deste, também havia outros partidos a defender os mesmos valores, e isto sim, é mudança. Quanto tempo é necessário para que as pessoas aprendam?

Comentários